Preso no Tabuleiro suspeito de estelionato e falsidade ideológica

Por Regina Carvalho | Portal Gazetaweb.com     13/06/2018 13h56 - Atualizada às 13/06/2018 14h38

Jos Carlos foi detido nessa tera; ele usava documento falso para locar veculos e vend-los em seguida

FOTO: Cortesia
.jpg" data-hashtags="#radiogazetaweb #gazetaweb" style="width:40%;">

José Carlos Januário tem vasta ficha criminal, diz delegada Maria Angelita

José Carlos foi detido nessa terça; ele usava documento falso para locar veículos e vendê-los em seguida

FOTO: Cortesia

Investigação que durou pelo menos três meses culminou com a prisão, nessa terça-feira (12), de José Carlos Januário. Ele será indiciado por estelionato, uso de documento falso e falsidade ideológica. Segundo a Polícia Civil, ele usava documentação falsa para locar veículos e, posteriormente, vendê-los de forma criminosa. 

O levantamento feito pela Polícia Civil mostrou que José Carlos, vulgo "Ryan", tem uma vasta ficha criminal. 

"Ele locava os veículos com documentação falsa e sumia com os automóveis. Quando não os vendia, os carros eram destinados para o desmanche. Ele fez isso com vários veículos. Tivemos acesso a Boletim de Ocorrência registrado até em Pernambuco, pois, algumas vítimas daquele estado vieram nos procurar. O José Carlos tem uma vasta ficha criminal por crimes como sequestro, homicídio e lesão corporal. É um sujeito de alta periculosidade", declarou a delegada Maria Angelita Romeiro, titular da especializada de Roubos e Furtos de Veículos. 

Material apreendido nessa terça-feira com José Carlos Januário

FOTO: Cortesia
Com José Carlos, que usou o nome Isaías Rodrigues Ferreira para cometer os crimes, os policiais civis também encontraram cartões de crédito falsos. "Apreendemos também um CD com matriz para cédulas falsas. Outra coisa que nos chamou a atenção foi encontrar a matriz de uma carteira de agente da Polícia Civil de Alagoas", acrescentou a delegada.

José Carlos foi preso em flagrante por estar portando uma CNH falsa. "Recebemos informações de que ele estaria no Tabuleiro do Martins. Foi quando nos dirigimos ao local informado e efetuamos o flagrante", completou Maria Angelita.