"Silêncio". ETA apresenta espetáculo que provoca e transgride questões sociais

Por Gazetaweb com assessoria     15/04/2019 11h37

Apresentações teatrais são gratuitas e acontecem entre os dias 15 e 18 de abril

Apresentações acontecem entre os dias 15 e 18 de abril, no Espaço Cultural da Ufal

FOTO: Divulgação

Acontece durante esta semana, do dia 15 ao dia 18, o espetáculo teatral "Silêncio", encenado pelos alunos da Escola Técnica de Artes da Ufal (ETA). As apresentações são gratuitas e ocorrem sempre às 20h na Sala Preta do Espaço Cultural, localizado em frente a Praça Sinimbu, no Centro de Maceió.  

A produção preparou uma descrição do espetáculo, que é um 'spoiler' do que o público verá:  

Sabe-se que a função da arte é provocar, refletir, transgredir questões e confrontar as ideias do mundo. Mediante os tipos de violência que determinadas classes vivenciam, buscamos discutir a partir do corpo, o modo como essas hostilidades e brutalidades estão presentes em nossos cotidianos.

Um grito de minorias levando a reflexões! Consequências de uma população que não tem a certeza do amanhã e luta por resistência dentro de uma sociedade machista, misógina, homofobia e preconceituosa.

Na busca pelo comum, as singularidades se encostam. A democracia da multidão não é apenas desejável, mas tão possível quanto necessária. A Multidão surge do interior da nova soberania imperial e aponta para o além. Na contramão dessas crueldades que nos acompanham articulamos ao nosso processo de criação o entendimento de corpo como um verdadeiro campo de resistência sobre essas ameaças e que em multidão, a potência dessa resistência pode alcançar objetivos e lugares intangíveis, talvez utópicos e inalcançáveis, agenciando potenciais estados de invenção.


SERVIÇO

  • Data: do dia 15 ao dia 18 de abril
  • Local: Sala Preta do Espaço Cultural da Ufal, em frente a Praça Sinimbu, Centro.
  • Horário: 19h (chegar uma hora e meia antes para garantir o ingresso)
  • Valor: gratuito